Sasha e Rodrygo brilham, e Santos vence após expulsão de Gabigol

sasha santos

O Santos venceu o Nacional-URU, por 3 a 1, em sua estreia em casa na Libertadores, na noite desta quinta-feira, no Pacaembu. O Peixe, que jogou com um a menos desde o fim do primeiro tempo, após expulsão de Gabigol, contou com um golaço de Rodrygo, de apenas 16 anos, para construir a vitória. Sasha, em grande noite, fez dois e Arthur Gomes perdeu pênalti. O resultado jogou o Alvinegro para a segunda colocação do Grupo 6, atrás apenas do Estudiantes-ARG, próximo adversário na competição, em abril.

OLHA O RAIO AÍ

Como nos melhores sonhos do torcedor santista, Rodrygo foi o dono da jogada mais bonita da noite no Pacamebu. Em sua estreia como titular na Libertadores, o garoto de 16 anos recebeu bom passe de Dodô na esquerda, arrancou como um raio pela ala, passou por dois marcadores e tocou na saída de Conde no começo do segundo tempo, quando o Peixe já vencia por 1 a 0.

TOCA NELE

Em grande noite, Eduardo Sasha comandou a vitória do Santos no Pacaembu. No primeiro tempo, deslocou-se entre as alas esquerda e direita e aproveitou cruzamento de Jean Mota, em cobrança de falta sofrida por Léo Cittadini, e abriu o placar de cabeça. Falha de Conte, que deixou a bola passar. Foi dele também o gol para fechar o placar, no fim da etapa complementar. Após assistência de Alison, o camisa 27 tocou com tranquilidade para o fundo das redes.