Pescadores enfrentam dificuldade para obtenção de carteira de pesca

wilson aparecido de souza

Wilson Aparecido de Souza, presidente da Associação dos Pescadores – Foto – Tininho Júnior

A Associação dos Pescadores Amadores do Vale do Rio Grande, através do presidente Wilson Aparecido de Souza,  enviou ofício ao comandante da Polícia Ambiental de Barretos, tenente Rodrigo Antônio dos Santos, informando às dificuldades que a categoria está enfrentando para obter a carteira de pesca amadora, após a extinção do Ministério da Pesca, que passou a ser através do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e nem por outro órgão.

De acordo com Wilson Aparecido de Souza, os pescadores tem conseguido fazer a solicitação da Carteira de Pesca Provisória que tem validade por 30 dias, com o pagamento de uma taxa de R$60,00, mas após este prazo não consegue a emissão da carteira definitiva no site do Ministério. “Diante destas dificuldades estamos buscando uma orientação do policiamento, sobre qual orientação deverá ser passada aos pescadores amadores de Barretos com relação a fiscalização”, afirmou.